Conheça todas as informações que precisamos saber sobre a Gripe Tipo A (Vírus Influenza H1N1)

Recentemente, a ConsulData promoveu aos colaboradores e familiares, uma campanha de vacinação contra as variações e tipos de vírus da gripe H1N1 (Influenza do Tipo A)

A preocupante doença causa febre, calafrios, dores de cabeça, dores musculares e articulares, além de fadiga. Crianças menores de cinco anos, doentes crônicos, gestantes e idosos fazem parte do grupo de risco e, por isso todo cuidado é pouco neste período do ano, entre o outono e o inverno brasileiros. Confira abaixo as recomendações gerais de prevenção:

.

A vacina é uma das melhores formas de prevenção

A vacina ainda é uma das melhores formas de prevenção

O QUE É:

É um vírus da Gripe Tipo A, geralmente associado à epidemias. Sua primeira grande aparição foi em 2009, quando ficou conhecido como Gripe Suína. Em pouco tempo, o surto se transformou em uma pandemia mundial. De lá pra cá, os eventos são sazonais.

.

COMO É TRANSMITIDO:

A doença é transmitida principalmente pelas mãos e pelo contato de secreções, quando uma pessoa fala, espirra ou tosse.

.

PRINCIPAIS VÍTIMAS:

Diferente da gripe comum que mira os idosos, o H1N1 ataca os jovens, crianças menores de dois anos, gestantes, diabéticos e obesos.

.

SINTOMAS:

  • Cansaço extremo.
  • Calafrios frequentes.
  • Dor de garganta leve.
  • Ardor forte nos olhos.
  • Tosse seca e contínua.
  • Dor de cabeça intensa.
  • Dores musculares fortes.
  • Febre acima de 39 graus.
  • Os sintomas parecidos com da gripe comum.
  • Os sintomas aparecem de um (01) a quatro (04) dias da infecção.

.

RECOMENDAÇÕES:

  • Lavar as mãos várias vezes ao dia.
  • Não emprestar objetos de uso pessoal.
  • Evite aglomerações e ambientes fechados.
  • Evite contato próximo com pessoas doentes.
  • Não compartilhe copos, talheres e outros objetos de uso pessoal.
  • Utilize produtos à base de álcool para ajudar na higienização das mãos.
  • Usar o antebraço ou lenço descartável para cobrir a boca ao tossir ou espirrar.
  • Participe da campanha de vacinação, especialmente se fizer parte do grupo de risco.
  • Intensifique a lavagem das mãos com água e sabão, principalmente após tossir e espirrar.
  • Não leve as mãos aos olhos, boca ou nariz depois de ter tocado em objetos de uso coletivo.
  • Procure assistência médica se surgirem sintomas parecidos com o Influenza Tipo A (H1N1).

.

TRATAMENTO:

Após a comprovação do vírus no organismo, o tratamento é feito com o antiviral “TAMIFLU”. A doença precisa ser tratada o quanto antes para não agravar o caso e levar à morte.

Share on FacebookShare on Google+Share on LinkedInTweet about this on TwitterEmail this to someone